LiveZilla Live Chat Software

Festivais nacionais imperdíveis no 1º semestre

16/01/2019· Compartilhe linkedin

O ano mal começou e já é possível ver incontáveis eventos sendo anunciados por aí. Para ajudar na agenda dos loucos por música, selecionamos alguns festivais nacionais imperdíveis que acontecerão no 1º semestre de 2019. Os estilos vão da música eletrônica ao heavy metal, passando pelo indie e, é claro, pelos eventos de estilos mistos. Cada um deles traz uma experiência única para o público, mas são ainda mais impressionantes para quem produz eventos e consegue visualizar a estrutura por trás do espetáculo.

Muitos dos nomes já são velhos conhecidos, mas é sempre bom ficar atento para não perder estes festivais!

MUNDO DE OZ

O festival Mundo de Oz completa 10 anos de muita arte, cultura, ecologia e música. Este evento multicultural traz a vivência singular de passar 5 dias em uma comunidade alternativa onde tudo é cuidadosamente pensado. A harmonia entre o público, a natureza e a sociedade leva à reflexão profunda sobre o ambiente em que vivemos.

Confira um pouco mais sobre o festival no aftermovie da edição de 2018:

AFTERMOVIE M.OZ 2018

COM OS OLHOS CHEIOS D´ÁGUA RELEMBRAMOS COM CORAÇÃO EM FESTA NOSSO TÃO SAUDOSO OZ.CONVIDAMOS TODOS PARA NOSSO REENCONTRO NO FINAL DO ANO. NOSSO RÉVEILLON SERÁ ILUMINADO.AMANHÁ AS 10:00 AM SE INICIAM-SE MAIS UMA JORNADA RUMO AO OZ – REVEILLOZ 2018 www.idkproducoes.com.br/ingressos#aldeiaoutromundo #edução #ecologia #arte #mundodeoz #sementedavida #ozternativo #bioconstrução Tracklist: Ale de Maria – Reza do fogo Realização: Aldeia Outro Mundo – Fabio Defourny Martins Ivana Klava Nelson Klava Bocara Fmoz Ayauma Rec André Yesca Alexandre Irie Gustavo Schneiater César da CostaProdução de Vídeo : Energy StudioVídeoMaker´s: Bruno Bonuccelli Patrick Le Senechal Braga Melina Commito Ramos Ana Luisa

Publicado por Mundo de Oz " Arte, Cultura, Ecologia e Música " em Quarta-feira, 9 de maio de 2018

BANANADA

O festival Bananada já existe há 20 anos, sempre trazendo grandes nomes da música brasileira para os palcos. Seu mote é o encontro entre diversos aspectos culturais como gastronomia, música clássica, música popular, artes plásticas, gente de todas as idades, skate, política, negócios, produção local / nacional / internacional, economia criativa, abraçando gêneros, cores e credos (palavra dos organizadores).

O vídeo abaixo é da 20ª edição do Bananada, que aconteceu em 2018:

Aquele #TBT do #Bananada2017 que você respeita (e morre de saudade).Filme: Mídia Ninja#Bananada20 De 7 a 13 de maio de 2018

Publicado por Festival Bananada em Quinta-feira, 5 de outubro de 2017

DGTL

O DGTL já é um festival com um sucesso estrondoso na Holanda e acontecerá pela terceira vez no Brasil. Sua produção é impecável e traz o que há de mais atual tanto na construção do evento quanto no line-up. Essa última se deve à preocupação real do evento com o equilíbrio entre as atrações, combinando os principais nomes da arte e da música, os nomes novos mais interessantes e tesouros locais.

Conheça mais sobre o DGTL São Paulo no aftermovie da edição 2018:

FESTIVAL PATH

O festival Path é considerado o maior festival de inovação e criatividade do Brasil, com uma curadoria inspirada no South by Southwest (SXSW). Sua programação conta com shows, filmes, palestras e diversas outras atividades com foco na aproximação da comunidade criativa do país. Uma grande experiência coletiva que busca a transformação ao incentivar o pensamento livre, autônomo e responsável sobre os desafios da sociedade atual.

É possível ter um gostinho do festival Path no vídeo abaixo. Mas vale a pena visitar o canal do festival e conferir a websérie e os depoimentos dos participantes produzidos na última edição.

TROPICAL BURN

O Projeto Tropical Burn é a versão brasileira do já consagrado Burning Man, o não-festival onde pessoas se reúnem para um experimento social. Como o original norte americano, o  Tropical Burn não possui espectadores, e sim co-criadores do evento e de tudo o que acontece nele – inclusive a cidade temporária onde ele acontece. A edição brasileira está sendo organizada de forma coletiva e quase inteiramente virtual, o que por si só já é uma experiência única. Mas a participação no evento, segundo os que já estiveram em outros Burns regionais, é absolutamente transformadora!

Conheça mais sobre a história, a proposta e os princípios do Burning Man no documentário Spark: A Burning Man History. O teaser abaixo é só uma pequena amostra do potencial dessa experiência.

 

Cadastre seu email e receba dicas e promoções exclusivas

Carrinho